Aumenta o número de registros do SPC no primeiro semestre de 2016

CDL Petrópolis apresenta balanço que revela aumento de 3,45% no número de registros na cidade, em comparação com os primeiros seis meses de 2015.

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrópolis divulgou um levantamento realizado pelo SPC Brasil apontando um aumento de 3,45% na quantidade de consumidores inadimplentes registrados na cidade no primeiro semestre de 2016. Atualmente 40.204 registros integram o banco de dados da CDL Petrópolis contra 38.863 acumulados nos seis primeiros meses do ano passado.

O presidente da CDL Petrópolis, Luiz Felipe Caetano da Silva e Souza, esclarece que esses números não coincidem com a quantidade de consumidores porque é muito comum que alguns devedores estejam registrados por mais de uma dívida. Na avaliação do empresário, esse número, embora elevado, é coerente com a situação nacional.

– Esse aumento de quase 3,5% em seis meses é preocupante, sem dúvida, mas não chega a revelar uma situação de excepcionalidade para Petrópolis. Estamos dentro da média nacional divulgada recentemente pelo SPC Brasil que é de 3,21% – explica Luiz Felipe.

Na opinião do presidente da CDL Petrópolis, os fatores que têm levado os consumidores para a inadimplência passam pela crise econômica do país com a queda da renda do trabalhador e o desemprego como as razões principais e, no caso específico do estado do Rio de Janeiro, segundo ele, não se pode desprezar a questão da crise do governo do estado que tem atrasado e parcelado o salário dos servidores.

Diante desse quadro, o presidente da CDL Petrópolis alerta para a importância da consulta por parte dos empresários aos serviços de informação da CDL Petrópolis e do SPC Brasil, a fim de que possam vender com mais segurança nesses tempos de crise.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *