Encontro propõe alteração em emenda do Código de Posturas sobre bancas

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrópolis sediou, nesta terça-feira (06/07), um encontro entre seu presidente, Claudio Mohammad, representantes dos proprietários de bancas de jornais, do Sicomercio, Iphan, da Associação de Guias Turísticos e dos gabinetes dos vereadores Octavio Sampaio e Yuri Moura. O objetivo foi discutir as emendas parlamentares apresentadas pelo vereador do Psol ao projeto de modificação do Código de Posturas Municipal e propor um novo texto que esteja em consonância com os interesses dos lojistas e dos donos de bancas.

A reunião foi a terceira de uma rodada de debates que vem sendo realizada sobre o tema, desde que o texto que altera o Código de Posturas apresentado ao Legislativo pelo prefeito interino, Hingo Hammes, recebeu emendas que autorizariam as bancas de jornais a ampliarem sua gama de produtos o que, segundo os lojistas, poderiam conflitar com o comércio local, principalmente no Centro Histórico.

De acordo com o novo texto proposto pela CDL Petrópolis, seriam diferenciadas as autorizações de vendas nos bairros e no Centro. “A proposta é que nos bairros a gama de produtos seja mais ampla. Já no Centro histórico, as bancas podem focar em produtos voltados para o turista, tais como guias e souvenirs”, explicou o presidente da CDL Petrópolis, Cláudio Mohammad, lembrando que, desta forma, as bancas não confrontariam com o comércio do Centro e ainda preencheriam uma lacuna que existe nos bairros, com a falta de locais que comercializem produtos mais diversificados.

Após a leitura do texto proposto pelo vereador e o debate de cada inciso, as ponderações dos presentes foram anotadas e as sugestões serão encaminhadas para a apreciação do vereador proponente, Yuri Moura. Ao todo, além do artigo indicado pela CDL, treze tipos de produtos propostos na emenda foram recomendados a serem retirados do texto. “A CDL Petrópolis sempre assume a postura de dialogar com todos os setores, buscando um consenso do que se faz melhor para a economia da cidade, para os petropolitanos e para a cidade de uma forma geral, seja no aspecto comercial, seja no turístico”, completou Claudio Mohammad.

Uma nova reunião está agendada para a tarde do dia 12 de julho, na Câmara de vereadores, para dar seguimento às discussões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *